quinta-feira, 10 de maio de 2012

Cearense desgraçado mata cão a paulada.

videoMEU NOME É PHEDRA E SOU DA CIDADE DE SÃO JOSE DOS CAMPOS
ESTAMOS MUITO SOZINHOS E NOSSOS ANIMAIS PADECEM, SÃO ESPANCADOS E MORTOS POR SERES HUMANOS QUE ENVERGONHAM A RAÇA HUMANA!!

PRECISAMOS DA IMPRENSA NESSE PAIS QUE SE TORNOU UM MODELO DE VIOLENCIA PARA O MUNDO. O QUE TEM DE PROSPERIDADE ECONOMICA TEM DE VIOLENCIA, MORTE, MALDADE, CORRUPÇÃO, E IMPUNIDADE

SEGUE ABAIXO, MAIS UM CASO, DE MAIS UMA MORTE QUE COM CERTEZA FICARÁ IMPUNE NUM PAIS QUE SE TORNOU CONHECIDO POR NÃO TER LEIS E PELA IMPUNIDADE.

QUANDO DIGO QUE NÃO EXISTEM LEIS, ME REFIRO QUE AS LEIS QUE EXISTEM NÃO TEM PUNIÇÃO.

QUALQUER UM MATA, ESQUARTEJA, COMETE ATE CANIBALISMO, E LOGO ESTARÁ NAS RUAS CONVIVENDO COM PESSOAS E SERES DE BEM

VEJAM O EMAIL E RELATO ABAIXO.

PRECISAMOS DA IMPRENSA BRASILEIRA QUE SE TORNOU A POLICIA DO BRASIL....É ELA UE MOSTRA E FAZ AS DENUNCIAS QUE DEPOIS SÃO APURADAS, QUANDO SÃO...

MUITO TRISTE SABER QUE PRECISAMOS DE UM MOVIMENTO POPULAR PARA COLHER 1.500.000 PARA APRESENTAR PROJETO DE LEI NP CONGRESSO NACIONAL

ISSO É UM ABSURDO, UMA BARBARIDADE, UM CRIME!

O BRASIL É UM PAIS DE TODOS, PARA TODOS E AQUI INCLUEM-SE TODOS OS SERES.

OS CRIMINOSOS DEVEM SER PUNIDOS COM CADEIA!!!

POR FAVOR, NOS AJUDEM E CONTINUEM DIVULGANDO CADA VEZ MAIS O SOFRIMENTO DOS NOSSOS AMIGOS ANIMAIS.

Já enviei um outro email sobre uma CADELA QUE FOI MORTA A PAULADAS NA CIDADE DE DIAMANTINA, EM MINA GERAIS POR FUNCIONARIO DE NOME PEZINHO, DO CENTRO DE ZOONOSES DA CIDADE DE DIAMANTINA, MINAS GERAIS.

MATANÇA NÃO QUER PARAR.

POR FAVOR, INVESTIGUEM

MUITO OBRIGADA PELA ATENÇÃO E PELA OPORTUNIDADE

COLOCO EM COPIA O EMAIL DA FALE COM O PALACIO DO PLANALTO, NA ESPERANÇA QUE A SRA NOSSA PRESIDENTE DA REPUBLICA, DILMA ROUSSEF, TOME CONHECIMENTO DAS ATROCIDADES QUE SÃO COMETIDAS TODOS OS DIAS CONTRA OS ANIMAIS E PEÇO AQUI, UMA AUDIENCIA PARA ENTREGAR-LHE UM DOSSIÊ FEITO POR MIM E OUTROS PROTETORES E QUE TRAZEM VARIAS ATROCIDADES, INUMERAS.INCLUSIVE, NA SUA CAMPANHA A SRA DILMA ANDAVA COM UM LINDO LABRADOR PRETO, SEU FIEL AMIGO!!

TEMOS QUE MUDAR A CARA DO BRASIL, E TORNÁ-LO UM PAIS QUE RESPEITA TODOS OS SERES VIVOS!!!

ATENCIOSAMENTE

PHEDRA DANAY
SJCAMPOS
Cachorro que caiu em ribeirão dá trabalho
para bombeiros em resgate

Vídeo recebido pelo VC no G1 mostra a retirada do animal, em BH.
Ação durou cerca de 20 minutos, segundo fotógrafo que passava pelo local.

video

Dois bombeiros tiveram trabalho para resgatar um cão que caiu no Ribeirão Arrudas, na Região Leste de Belo Horizonte. Um vídeo recebido pelo VC no G1 mostra a retirada o animal neste domingo (6).
Nas imagens, os bombeiros descem no ribeirão canalizado com a ajuda de uma escada e, já dentro do canal, usam uma corda para pegar o animal. O cão, um macho de pelagem preta, estranha os dois homens e corre de um lado para o outro, dificultando o resgate.
A ação foi acompanhada por pessoas que praticavam caminhada na Avenida dos Andradas. “Deu muito trabalho porque ele ficou correndo de lá pra cá. Eu acredito que deve ter dado uns 20 minutos. O cachorro estava assustado e foi difícil pegá-lo com corda", contou o fotógrafo Artur Felipe Rocha, de 53 anos, que fez a filmagem.
De acordo com Rocha, populares disseram que o cão estava no canal há cerca de uma semana. O animal teria entrado em uma tubulação, que dava acesso ao leito canalizado, e não conseguiu mais sair.
Nota da redação: Segundo o Corpo de Bombeiros, o animal foi entregue em bom estado à pessoa que solicitou o resgate. A corporação informou que socorre animais em perigo atendendo a chamados recebidos pelo 193.
Soldados adotam cães resgatados durante a Guerra do Afeganistão

06 de maio de 2012 às 6:00


















Animais no Nowzad, abrigo para animais em Cabul, no Afeganistão (Foto: Omar Sobhani/Reuters)
Os efeitos emocionais e físicos da guerra do Afeganistão não são sentidos apenas pelos soldados e residentes em Cabul, capital afegã. Os cães também sofrem com o dia a dia dos conflitos. Por isso, alguns soldados americanos estão adotando os animais que ajudaram a resgatar, alguns feridos ou que foram abandonados.
“Os cães passaram por um estresse pós-traumático e os soldados que os adotaram estão conscientes disso e sabem lidar com a questão”, disse o inglês Pen Farthing, fundador do Nowzad, abrigo para animais em Cabul. Leia aqui matéria completa publicada pela ANDA sobre esse belo projeto solidário.
Farthing é um ex-soldado e ele mesmo adotou um cão no Afeganistão, em 2006. O abrigo leva o nome do animal. Depois da experiência, ele decidiu criar o abrigo, onde cães e gatos são vacinados e tratados antes de deixarem o país.
Desde que foi criado o local já abrigou cerca de 330 cachorros, adotados, em sua maioria, por solados britânicos e americanos. África do Sul, Austrália, Canadá e Holanda também são outros destinos frequentes dos animais.
Tirar um animal do Afeganistão custa em média US$ 3.000. Por isso, Farthing depende de doações para manter o abrigo funcionando.
“Quando você é alvo do Taleban todos os dias, os cachorros dão uma sensação de normalidade”, diz ele.

Funcionário com carrinho de comida para os animais no abrigo Nowzad, em Cabul, no Afeganistão (Foto: Omar Sobhani/Reuters)
Na maioria das vezes, os cães resgatados chegam ao abrigo de carro, como aconteceu com Spot. Ele é um dos que vai ganhar novo lar. O cão fez uma jornada secreta do distrito de Helmand até Cabul, onde foi entregue ao abrigo. Assim que terminar o tratamento ele vai para os EUA com o soldado que o resgatou.
Outros que também já estão se preparando para ganhar um novo lar são os cães Dshka, resgatado por um sargento americano em Kajaki. Seu vizinho no abrigo, o pequeno Poppy, resgatado em Candahar, em breve vai embora do Afeganisão com o soldado britânico que o salvou.
Farthing espera que os afegãos passem a adotar mais os animais. Segundo ele, a pobreza impede que muitos deles tenham animais. Para alguns os cachorros são uma ameaça à vida das pessoas, mas isso é muito cruel”, diz o veterinário afegão Abdul Hadi, um dos voluntários do abrigo Nowzad. “Os cães têm direito à vida e já é hora dos afegãos se unirem a eles”.
Fonte: UOL
Inquérito policial é aberto para identificar e punir agressores de cachorro em pernambuco.

09 de maio de 2012 às 19:40


(Foto: Carolina Braga/Esp DP/D.A Press)
A Delegacia da Polícia e do Meio Ambiente (Depoma) começa a investigar hoje o crime de maus-tratos sofridos pelo cão Beethoven, um cachorro da raça cocker spaniel que teve parte da cabeça desfigurada ao ser espancado com pedaços de madeira e pregos no bairro da Imbiribeira. A queixa foi formalizada hoje pelo presidente da organização Crueldade Nunca Mais em Pernambuco, Rodrigo Vidal.
A delegada Nely Queiroz abriu o inquérito policial e disse que vai trabalhar para identificar e punir os agressores. Considerado crime pelo artigo 32 da lei 9.605, o ato pode render pena de três meses a um ano de detenção, além de multa com valor determinado pelo juiz.
Beethoven está internado na clínica veterinária Dr. Arionaldo Sá, na Torre, para se recuperar dos ferimentos. Segundo o veterinário responsável pelo tratamento, Allyson Sá, as feridas do animal estão em fase de cicatrização. O cão também se recupera de doença periodontal, desnutrição e erlichiose (doença do carrapato), causadas pela negligência do antigo tutor. Quem quiser ajudar no tratamento do animal pode entrar em contato com Manuela Matos (81-8842-1789) ou Flora Queiroz (81-8559-4304).

Cadela pit bull perde pata após salvar dona desmaiada sobre linha de trem

Lilly teve parte de pata dianteira dilacerada pelo trem em Massachusetts.
Maquinista viu a cachorra arrastando a mulher, mas não conseguiu frear.

Do G1, em São Paulo
 
Uma cachorra da raça pit bull chamada Lilly está sendo chamada de heroína após salvar a vida de sua dona, que desmaiou embriagada sobre trilhos de trem em Shirley, no estado americano de Massachusetts.
Lilly, de 8 anos, acabou sendo atingida depois de arrastar Christine Spain para a segurança. Levada para o veterinário, ela teve parte da pata dianteira direita amputada, segundo a reportagem da emissora FOX em Boston.


O maquinista diz que viu a cadela puxando a mulher da linha de trem por volta de meia-noite da última sexta-feira (5). Ele acionou os freios, mas a locomotiva parou por completo só depois de atingir Lilly. A mulher não sofreu nenhum ferimento.
A cachorra teve a ponta da pata dilacerada, sofreu fraturas na pélvis e ferimentos internos, mas se manteve ao lado da dona até que o socorro chegassem ao local, disse um bombeiro.
O filho de Christine, David Lateigne, explicou que a mãe sofre de alcoolismo há muitos anos.
Ele mesmo deu Lilly para a mãe como forma de companhia, após resgatar a cachorra três anos atrás.
"Sempre soubemos que ela é um cão especial. E ela mostrou exatamente o que é um pit bull, ela foi até o fim", conta David, emocionado. Ele trabalha como policial em Boston, longe da mãe.
COVARDIA. Cão abandonado pela familia,
após seu dono sofrer um enfarto.



RIO DE JANEIRO-CAPITAL!!!!...ABANDONO!!!
ATENÇÃO!!!! Este cãozinho foi deixado, por volta da meia-noite de ontem, amarrado em frente à árvore da casa da minha Tia. Seu dono sofreu um enfarte e foi retirado de seu apartamento pela família. O senhor pediu que um "familiar" cuidasse dele. O "parente" abandonou o cãozinho e sumiu.
"ELE É DÓCIL, AMOROSO E ACOSTUMADO A FAZER COMPANHIA AO SEU DONO IDOSO". ELE ESTÁ DEPRIMIDO E PRECISA DE UM LAR URGENTE!!!
Os interessados devem ligar para os telefones (21) 2592-0340, 2201-8854, 8224-1726 e 8184-8381, falar com Mary.
Por favor repassem aos seus amigos e familiares.

Ativista vegano processado por proteger

os animais

Publicado em 27 de abril de 2012 em Notícias
 
 
 





Precisamos de todo o apoio, suporte e número de assinaturas possíveis para esta petição:
http://www.change.org/es/peticiones/mais-um-ativista-vegano-processado

“O ativista carioca das causas ambientais e animais, PINGUIM, está respondendo judicialmente por atos e opiniões em prol da vida dos animais marinhos.
Pinguim, integrante do “Onda Azul” e do Divers for Sharks, mergulhou a fundo na problemática ambiental da vida marinha de Recife e, sempre de maneira democrática, colocou o assunto à tona nas redes de discussão desse tema, dentre os quais sobre a conduta de um professor graduado em engenharia da PESCA (!!!).
Por expor publicamente a sua opinião sobre a situação real da captura dos tubarões por barcos de pesca e pelo recebimento de suas carcaças por universidade local, o Ativista está sendo processado por esse professor, que peda danos morais.
Por importar-se com a vida, em seu mais amplo sentido, PINGUIM expôs de maneira democrática, firme e segura, a respeito da situação em que vivem os tubarões, arraias e demais habitantes do mar de Recife, relatando sua preocupação com relação à captura dos mesmos em APAs, muitas das vezes para serem levados para laboratório de pesquisa de universidade.
Pinguim, em conjunto com outros ativistas, vem lutando incansavelmente pela proteção da vida aquática e participou de manifestação aberta, promovida pela DIVERS FOR SHARKS, contra a captura de tubarões no Rio de Janeiro.
Pensamos que cada um de vocês já acompanhou casos de Ativistas pelos Direitos Animais sendo processados lá fora. Já tivemos a vitória de BIANCA TURANO (RJ), no “Caso Shakira”, e sentimos o poder de mobilização de grupos e indivíduos que respeitam a vida, independentemente da espécie a que pertençam. POIS AGORA MAIS UM ATIVISTA ESTÁ SENDO PROCESSADO! E ele precisa de nosso apoio, de nosso suporte.
Viemos pedir a ajuda de todos vocês! É importante que os ativistas do Brasil estejam cientes do caso, divulguem a situação para seus contatos e através de seus meios, para que nos unamos, para dar suporte ao PINGUIM, pessoa séria, realizadora de um incansável trabalho, há anos, por acreditar na abolição da escravidão animal.
Para dar maior suporte, entrar em contato, tirar dúvidas, favor entrar em contato através de pinguimprocessado@gmail.com, pois os Ativistas não devem jamais se sentir desprotegidos e desamparados quando da realização de suas ações e opiniões.
Que este caso possa trazer uma boa decisão para todos aqueles que arriscam a comodidade de suas vidas em prol de algo maior.
ASSINE! COMPARTILHE!
Contamos com o suporte de todos os veganos e Ativistas do Brasil.”